Meu bebê não dorme, o que fazer? | Manual do Recém-Nascido

Você está exausta porque seu bebê não dorme bem a noite? Mesmo bem alimentado, com a fralda trocada, estando tudo certo ele não se rende ao sono? Para começar quero dizer que se você está passando por isso, pela exaustão quase que física e mental por causa da demanda que o recém-nascido necessita, sinta-se abraçada, não é fácil mesmo! Bebês requerem muito da nossa atenção e nos primeiros dias é mais intenso. Realmente vai durar mais um tempo, não vou mentir, mas lembra do mantra? “Vai passar… ”

Eu sei que tem mães que dizem seus bebês dormem a meia noite inteira, mas é preciso saber o que é dormir a noite inteira na percepção delas, que pode ser diferente da sua ou da minha. A noite toda pode ser dormir de seis a oito horas seguidas sem resmungar, sem chorar pra mamar, sem acordar pra nada. Isso é um sonho um pouco inalcançável principalmente nos primeiros meses, nos primeiros dias então eu acho bem difícil!

Dormir a noite toda também pode ser o bebê dormir, mas fiar tranqüilo, despertar para mamar e voltar a adormecer, isso para mim é mais comum de acontecer ou então o bebê acorda sim durante à noite, chora e tal, como qualquer outro bebê, mas a mãe por medo de ser julgada, não querer ouvir críticas, ela diz logo que ele dorme a noite toda assim e fim de papo.  Nem sempre o que a pessoa diz é o que acontece na realidade ou pelo menos todos os dias.

Vamos falar do sono do recém-nascido, todos nós adultos, crianças e bebês temos o sono dividido por ciclos.
Por mais que a gente não perceba e acredite que a gente deite na cama, durma e só acorde no dia seguinte, não é bem assim que acontece e com o recém nascido não é diferente.

Primeiro ao adormecer ele está no som do REM, quando ele ainda mexe os olhinhos, pisca e até abre os olhos, faz caretinhas, sorri,  faz até beicinho, mas ele ainda não está dormindo profundamente, ele está num sono leve e essa fase do sono leva em torno de uns 20 minutos. É importante saber reconhecer essa fase do sono do bebê porque, por exemplo, se você está ninando ele no colo e ele está nessa fase do sono e se você coloca ele no berço para dormir, pronto, ele vai acordar, porque ele está num sono leve e vai voltar ao início e vai ser mais 20 minutos para ele voltar para o sono.

Não é porque o berço tem espinho é porque ele estava no sono leve e acorda mesmo! Ok! Mas quando vou saber se ele está dormindo? Você vai saber quando ele está dormindo em sono profundo, quando o corpinho dele estiver bem molinho, bem relaxado, você pode mexer na mãozinha dele e ele continua tranquilo, essa fase do sono é chamada Não REM e é quando ele está em sono profundo, aí sim você pode colocá-lo no berço, delicadamente, bem devagar pra ele não acordar e ele vai ficar.

É importante também ver a inclinação do colchão do berço, porque os bebês têm refluxo fisiológico, todos os recém-nascidos têm e se você coloca ele para deitar num local reto, o leite pode acabar voltando vai deixá-lo irritado e assim ele vai acordar. É como se os bebês fossem programados pra isso é uma questão de sobrevivência, nesse período ele volta para o sono leve, então se algo está errado, incomodando, ele pode despertar. Pode ser por fome, porque a fralda está suja, sede ou se está muito calor ou muito frio, ele pode acordar, mas isso não significa que ele vai acordar a cada hora é só se algo não estiver bem.
O estômago do bebê nos primeiros dias é pequeno e cabe pouco leite, além do leite materno ser de fácil digestão, então é normal ele querer mais mesmo, por isso é importante oferecer o seio para o bebê em livre demanda. Porque ali ele supre praticamente todas as necessidades dele, não só de sede e fome, mas também de calor e de frio, de afeto, de carinho, como quando ele estava na sua barriga e vocês estavam juntinhos o dia todo.
Mas se ele estava no berço dormindo, começa a fazer umas caretinhas, até dá uma resmungadinha e você olha para ele e ele continua dormindo, não mexa nele, aproveite esse momento. Eu sei que é irresistível mas ele também precisa descansar e se você mexer com ele e ele acordar antes do tempo que precisava, ele vai ficar irritado.

Os bebês nascem muito sensíveis, frágeis e dependentes de nós adultos, para suprir praticamente todas as necessidades deles. A única maneira que ele tem de se comunicar com a gente é através do choro e nós adultos temos dificuldade em interpretar as necessidades deles, mas é possível! Com o passar dos dias, vocês vão se conhecendo e vai ficando mais fácil.

No Manual do recém-nascido tem um vídeo falando sobre como interpretar o choro do bebê é legal e vale a pena assistir pra ter uma ideia. Ignore os conselhos furados de deixar o seu recém-nascido chorando no berço para  aprender a dormir, ele não vai aprender nada com isso, no máximo que não pode contar com as pessoas que mais ama.

O recém-nascido e até uns seis meses, os bebês nos solicitam quando eles precisam de algo e não para fazer manhã ou nos manipular. Agora já sabemos que o sono têm seus ciclos, tempo de duração e como identificá-los. Então se o seu bebê está dormindo no berço, dá uma resmungadinha, até um sorrisinho, você vai lá mexer com ele? Não! Deixe voltar a dormir sozinho, ele pode estar só no sono REM e logo vai voltar a adormecer.

E a outro porém, os bebês não são como nós adultos que quando estamos com sono, simplesmente simplesmente deitamos e dormimos, eles precisam ser ninados, eles têm dificuldades em adormecer é claro que há exceções, mas a maioria precisa de ajuda para poder dormir. Mesmo você, até sem perceber, deve ter algum ritual para pegar no sono, não deita direto na cama, dorme e já está até sonhando imediatamente, deve ter algo que você faça para entrar no clima e os bebês também.
Eu sou super a favor de rotina não que tenha que ser engessado, mas ter o dia organizado é bom, faz com que a criança fique tranquila, ela sabe o que esperar do dia.
Com os bebês e até crianças, não tem como você apresentar uma planilha de rotina e tarefas a fazer durante o dia, você vai ensinando aos poucos, dia a dia, é repetição. A rotina é sua e você vai ensinando e apresentando para eles. Você não vai limitar os horários das mamadas e nem tempo porque isso quem decide é o bebê, porque é a necessidade dele, ele que sabe quando ele deve mamar, quanto e por quanto tempo e acredite logo ele vai começar a espaçar as mamadas, sozinho. Mas você pode ficar atenta aos sinais de sono dele, comece não escutando a sugestão de deixar o bebê acordado de dia para poder dormir à noite.
Não faça isso, muito pelo contrário o bebê dorme bastante mesmo e eles precisam da soneca durante o dia, se você mantê-lo acordado e ele quiser dormir, ele vai ficar cada vez mais irritado e na hora que você precisar que ele durma ele não vai conseguir adormecer.
É importante identificar os primeiros sinais de sono do bebê e ajudá-lo a adormecer, os bebês precisam ter suas sonecas durante o dia, então você pode cantar, ninar, como for melhor para vocês. Apenas deixa o ambiente claro e com barulho normal, assim o bebê vai entendendo que  de dia é para sonecas curtas e à noite para dormir, mas com o tempo você vai ensinando isso pra ele.
Os bebês não trocam o dia pela noite, eles nem sabem o que é isso. À noite você estipula um horário que ele vai dormir todos os dias, aí eu te aconselho a fazer um certo ritual do sono, porque dá certo!
Isso eu posso dizer que eu fiz para os meus filhos e é mais ou menos assim até hoje.
Por exemplo: se você quer que seu bebê vá dormir às 8h, às 7h você já começa esse ritual. Abaixe as luzes da casa, o som, as conversas, prepara o banho do bebê se for no banheiro ou onde ele for tomar banho. Dá o banho nele, o mama e o coloca para dormir.

A partir desse momento, sem conversar alta, sem muita falação é a hora de dormir. É claro que nos primeiros dias ele não vai deitar no berço e dormir a noite toda, mas com o passar do tempo, ele vai entendendo.
Logo isso vai ficar tão automático que se você precisar dar banho nele fora do horário combinado, ele vai querer mamar e dormir ou então você vai perceber que vai chegando no horário do banho ele vai pedir e vai ficar feliz com essa rotina de vocês.
Isso é bom, porque ele vai saber o que vai acontecer no dia dele, ele se sente seguro e fica tranquilo.
Outra informação importante é conhecer o recém-nascido, não só como seu filho, mas como recém-nascido.
Você já ouviu falar sobre a teoria da extero gestação,  resumidamente ela fala como que era a vida intra-uterina do bebê, quentinho, apertadinho, se alimentava continuamente  ficava o tempo todo em contato com a mãe e a importância de manter nos primeiros três meses de vida do bebê essas sensações que ele estava acostumado até então. Então embrulhar o bebê bem apertadinho no cueiro e fazer barulho constante de Shhhhh bem alto, ajuda a manter o bebê tranquilo.
Vocês podem ver essas dicas no vídeo “como acalmar o bebê” onde mostra mais detalhadamente isso, é o que fala teoria da extero gestação. Se o seu bebê tira mãozinha pra fora do cueiro e você acha que ele gosta de ficar assim, se ele fica tranquilo, tudo bem, não tem problema.
Mas se o bebê tira as mãozinhas que fora do cueiro e começa a ficar procurando com as mãozinha algo, saiba que ele está procurando a parede do útero, então ele não vai achar, vai se assustar e vai acordar.
Tem pais que interpretam que o bebê está muito assustado, seja por um pesadelo ou por qualquer outro motivo, mas é o Reflexo de Moro ou também ele está com a mãozinha lá pra fora do cueiro e por um acaso ele encosta, ele toca na bochecha isso pode ativar o reflexo de sucção, então ele vai começar a procurar o seio materno e por mais que ele não esteja com fome nesse momento, ele vai precisar mamar e vai acordar.
Não estou dizendo para você deixar seu bebê o tempo todo enrolado com as mãozinhas presas no cueiro, mas para dormir é bom, faz um teste, eu acho que ele vai gostar!
Você já ouviu falar da hora da bruxa? É o finalzinho da tarde, início da noite, os bebês ficam mais agitados, irritados e chorões, tem pessoas que chamam isso de a hora da bruxa, eu acho que existe sim e não a culpa da bruxa, mas porque o bebê está cansado por excesso de estímulo e não consegue adormecer sozinho.
É aquela hora que o bebê chora, mas não que mamar, não tem posição que fique boa e nada está bom.
Se o bebê tem menos de seis meses, as pessoas podem dizer que a cólica, mas se tem mais de seis meses é os dentes. Será? Dor? Cólica? Dente nascendo com horário marcado? Eu acho que não, eu acho que é sono mesmo. se você já fez a rotina que sugeri e continua agitado ou então a encrenca nem é no final da tarde início da noite, é de madrugada ou qualquer outro horário, uma boa dica é um banho de ofurô, isso relaxa o bebê. Nem precisa ser aqueles baldes especiais de ofurô, pode ser aqueles baldes comuns mesmo, com água bem moderninha.
Isso relaxa e acalma o bebê, não precisa usar sabonete nada, é só um banho para relaxar, pode pôr só água bem morninha mesmo.
Se o bebê for recém-nascido, bem molinho ainda, você pode fazer um charutinho para ele ficar mais estável.
E se você já fez de tudo e nada resolve, é uma boa hora para passar o bebê para o pai ou uma avó que estiver por perto, porque a mãe também está cansada. Um recém-nascido e até um bebê maior quer muito da atenção dela e às vezes tudo que ela quer é que o bebê durma um pouco para ela poder se alimentar, tomar um banho ou até descansar um pouco também.
E talvez um colo menos cansado, mais relaxado possa conseguir com mais facilidade por o neném para dormir. Porque às vezes a única relação que o bebê conhece com a mãe é a de mamar, então às vezes ele já está empanturrado, com isso o estomago cheio, não quer mais o mamar porque não está mais com fome, mas só consegue adormecer mamando, então fica um ciclo sem fim e o bebê fica irritado, agitado e não consegue adormecer. E é claro que não há problema nenhum em o bebê adormecer no seio, dormir junto com a mãe, o jeito certo é o jeito que é bom para vocês dois, mas uma ajudinha às vezes cai bem.
Aos poucos vocês vão se conhecendo e tudo fica mais fácil. E se o bebê quer passar o dia todo no colo, dormir no colo, tudo bem, não há problema, você pode usar o sling, aquele tecido que envolve o bebê no colo da mãe e a mãe volta a ter as mãos livres.
Colo é amor e amor não faz mal pra ninguém.
Espero que tenha sido um tema legal pra você que tenha ajudado de alguma maneira>

Comenta e deixa uma mensagem fala se vocês estão gostando dos temas que a gente está colocando aqui ou se tem alguma sugestão de algum assunto específico.
Curta,  se inscreve no nosso canal para ficar por dentro dos próximos assuntos.

Um beijo e até lá!